Visualizar Notícias - UniAtenas Passos

Notícias Faculdade Atenas - Passos (MG)

Recomendações para lidar com a pressão frente às provas do Enem e dos vestibulares


O volume de conteúdo para estudo e a condição de uma concorrência por vagas na faculdade geram, por si só, uma pressão nos jovens que participarão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e de vestibulares. Além disso, os vestibulandos também lidam com a pressão da sociedade, em um momento decisivo que é a escolha da carreira. 

“A escolha da profissão e o desafio de conseguir uma vaga no ensino superior trazem para o jovem a chegada de uma responsabilidade, muitas vezes, nunca vivenciada por ele. Se isso não for bem administrado, podem ocorrer a ansiedade e o stress, o que interfere negativamente no processo de preparação para o vestibular e, consequentemente, no resultado desejado”, explica a psicóloga Edna Messias Santos Freitas, professora do curso de Medicina da Faculdade Atenas-Passos.

Conforma destaca a profissional, entre os sinais mais comuns de stress estão: irritabilidade, cansaço, insônia, doenças de pele, doenças gástricas e perda de memória. “Surgem ansiedade, agitação, falta de autoconfiança, pensamentos de depreciação de si mesmo, os jovens não absorvem conteúdos e geralmente caminham para métodos ineficazes de estudo. Na hora da prova, podem acontecer os famosos apagões, a dificuldade de interpretar as questões e de lidar com o tempo da prova”, afirma a psicóloga.

Nos casos de profundo desgaste emocional, pode ser necessária a ajuda de um profissional psicólogo, que por meio da terapia poderá amenizar essa pressão e evitar que o vestibular seja uma experiência traumática. “No processo psicoterápico é feito um trabalho de autoconhecimento, é através dele que o jovem desenvolve habilidades para o manejo dos seus próprios conflitos”, ressalta Edna.

Buscar o equilíbrio está ao alcance de todos e, por isso, uma rotina de hábitos saudáveis é fundamental para conquistar a boa condição física e emocional para a maratona de provas do Enem e de processos seletivos. A professora Edna Freitas selecionou seis dicas:

- Dica 1: Estude em um ambiente reservado, que proporcione tranquilidade, que seja confortável, com iluminação adequada e sem ruídos;

- Dica 2: Acredite em si mesmo e supere o medo de testar sua capacidade;

- Dica 3: Administre o tempo para que possa fazer pausas e evitar a procrastinação;

- Dica 4: Fique offline! Essa é uma ação bastante importante e que atualmente os jovens têm dificuldade em concretizar. A concentração no estudo exige a ausência das redes sociais, que serão usadas em outros momentos, e sem exageros. 

- Dica 5: Dê ao corpo as coisas que ele mais vai precisar nesse momento, ou seja, coma, durma e se mexa. Estabeleça uma rotina de horas suficientes de sono, alimente-se bem e de forma saudável, sem exagero e sem privações, e procure fazer alguma atividade física. Durante os estudos, faça intervalos para se levantar, alongar a coluna, braços e ombros. Lembre-se também de respirar bastante. 

- Dica 6: Pratique o autoconhecimento. Saber quem você é, seus valores, suas aspirações e habilidades, ajudará no processo de preparação. Descobrir a forma como você aprende e como você se sente o ajudará na administração do tempo e trará segurança e equilíbrio emocional.

Equilibrar-se entre os estudos , alimentação, cuidado físico e as vivências sociais possivelmente conduzirá o vestibulando a ter uma vida emocional mais saudável. E isso é condição indispensável para o desenvolvimento da aprendizagem, juntamente com a responsabilidade, a dedicação aos estudos e, claro, o apoio incondicional da família.

Usamos cookies para analisar suas interações neste site e melhorar a sua experiência de navegação. Ao usar nosso site, entendemos que você está ciente da nossa Política de Privacidade e concorda com o uso de cookies.